Home
    Em breve
         
Sistema Artimix Conselhos Úteis email
Conselhos Úteis
Pintura Nova
As superfícies a pintar devem estar bem secas e isentas de poeiras e gorduras. De uma forma geral, para qualquer pintura nova deve aplicar-se PRIMÁRIO AQUOSO BRANCO ou ARTILITE PRIMÁRIO. No caso das superfícies serem muito absorventes ou empoeiradas aplicar um PRIMÁRIO FIXADOR (ESOTIN) e de seguida aplicar a tinta escolhida para o trabalho a executar.

Repintura
Geralmente, para trabalhos de repintura deve-se em primeiro lugar remover as poeiras e a tinta não aderente, tapar fendas caso existam com massa apropriada ou silicone acrílico e deixar secar. De seguida deve aplicar-se PRIMÁRIO AQUOSO BRANCO ou ARTILITE PRIMÁRIO e no caso das superfícies serem muito absorventes ou empoeiradas, aplicar um PRIMÁRIO FIXADOR (ESOTIN) e de seguida aplicar a tinta escolhida para a pintura a fazer.

Processo Caseiro de Repintura
 1 -
Preparar o material e ferramentas de trabalho: tintas, espátula, lixas, trinchas, pincéis, rolo, tabuleiro, cabo extensor, fitas adesivas e materiais de protecção;
 2 - Vestir roupa apropriada para protecção de eventuais salpicos;
 3 - Retirar os móveis mais pequenos e cobrir os mais difíceis de retirar;
 4 - Proteger tudo a nível geral;
 5 -
Retirar os espelhos dos interruptores e fichas para evitar que sejam salpicados durante o processo de pintura;
 6 - Verificar o estado geral da superfície a pintar;
 7 -
Se existirem buracos ou rachas, devem ser alargados com uma espátula triangular para soltar todos os resíduos e só depois devem ser tapados com massa. Depois desta secar, deve ser lixada até se obter uma superfície uniformizada;
 8 -
Retirar as tintas velhas e estaladas, raspando com uma espátula e lixar bem até se obter uma superfície global uniformizada;
 9 -
As tintas devem ser mexidas antes de ser utilizadas e acrescentar água ou diluente para melhor diluir o produto de forma a obter-se uma textura homogénea e facilitar a sua aplicação. Atenção: diluir só a tinta a utilizar;
10 -
Os pincéis e as trinchas devem ser mergulhados até meio e o excesso de tinta das cerdas deve ser escorrido na borda da embalagem de tinta. Se pintar com rolo, deve colocar tinta no tabuleiro sem ultrapassar um terço da altura deste, mergulhar o rolo com movimentos nos dois sentidos e passá-lo pela superfície mais alta e seca do tabuleiro para retirar o excesso;
11 -
Deve-se começar a pintar pelos tectos. De seguida as paredes em lances de cima para baixo até ao rodapé;
12 -
A trincha utiliza-se nas zonas de junção, nomeadamente: o tecto e as paredes; as paredes e o rodapé, as paredes e as janelas;
13 -
Para terminar, deve-se guardar convenientemente a tinta. Com a ajuda de jornais velhos de papel absorvente ou líquido apropriado, limpar o excesso de tinta. Pincéis, trinchas e rolos devem ser lavados com água ou diluente, e por fim deixá-los secar em local arejado.
 

A Faria & Santos - Artin, Lda disponibiliza aqui apenas alguns Conselhos de Pintura, baseados nos nossos conhecimentos técnicos, não se responsabilizando pelo resultado final.
Para esclarecimentos técnicos adicionais entre em contacto com a Faria & Santos - Artin, Lda.

 
 
Copyright © 2009 FARIA & SANTOS ARTIN - Todos os direitos reservados.
Sistema Artimix Conselhos Úteis